Comprar apartamento, uma decisão acertada!

Comprar apartamento, uma decisão acertada!

Comprar apartamento era uma preocupação para esta professora.

Regina, recém-divorciada do Jeremias, tem um casal de filhos, a Marcela e o Eduardo, 12 e 10 anos respectivamente.

Sonha em comprar apartamento desde quando casou.

Imagina que a segurança aumenta neste tipo de imóvel.

É professora do município, dá aulas de português há 16 anos.

Teve vida difícil, mas nunca se entregou, trabalhou no comércio para ajudar a família, fez a faculdade a duras penas.

Com o plano de carreira, veio a pós-graduação em ensino de língua estrangeira, Inglês.

 

Conseguiu um extra, dar aulas três vezes por semana, à noite.

 

Fazia praticamente tudo dentro de casa, até o golzinho 1.0 2013, foi ela quem pagou.

O que mais preocupava era o aluguel. Sempre dizia, estou pagando aquilo que não é meu…

Convidou a mãe viúva para morar junto, uma faria companhia para outra e as crianças também se sentiriam seguras.

A mãe fez questão de contribuir com R$ 550,00 de sua pensão para o orçamento doméstico.

 

Aprendendo a economizar

Parecia pouco, mas cobria as contas de água, luz, NET, gás. seguro residencial e o IPTU.

Dia de médico, folheou uma revista antiga na mesinha da recepção e leu alguma coisa sobre investimento.

Você deve questionar cada despesa, fazer o seu patrimônio render e não apenas consumir, o conselho que chamou a atenção.

Aproveitou e pegou um folheto da HS Consórcio que estava no balcão da atendente, leu e sonhou com dias melhores.

Chegando a casa, reuniu a família, montou um orçamento, onde até as balinhas e picolés foram relacionados.

Questionou se dava para reduzir ou eliminar cada despesa.

Aproveitou e montou um plano financeiro, afinal, a Marcela em cinco anos estaria na faculdade.

E a viagem de férias que nunca fizeram? Tinha que sair do papel e ademais, ainda moram de aluguel.

Até eu preciso de ajustes, brincou Regina, pois com 36 anos de idade as coisas já começam a …

Olha o exagero Regina!  Corrigiu sua mãe.

 

Comprar apartamento, uma decisão acertada!

 

Envolvendo a família na solução

Chamando a atenção das crianças, buscando envolvê-las na atividade e também promovendo a educação financeira que eles necessitarão.

Eu recebo R$ 1.800,00 de salário, mais R$ 1.000,00 de produtividade com a pós-graduação, mais R$ 1.000,00 das aulas de inglês.

Mais R$ 500,00 da pensão alimentícia do inútil do seu pai, desculpa crianças…

E os R$ 550,00 da vovó.

 

Mãe, deu R$ 4.850,00 disse a Marcela com uma calculadora chinesa, daquelas que apita quando se tecla e provoca protestos.

 

Agora você vai diminuir dos R$ 4.850,00, R$ 520,00 dos descontos no salário e R$ 3.330,00, da nossa despesa mensal.

Xiii, sobrou só R$ 1.000,00, e olha que sem os quinhentos da vovó e do papai e os R$ 500,00 que a gente conseguiu cortar das contas, ficaria devendo até pro santo, que meda mãe.

Marcela, ao descobriu a realidade da vida.

Regina, tocada pela preocupação precoce da filha, contou, “com o seu pai aqui as coisas eram piores que isso, ele nunca se preocupou com o dinheiro, sempre faltava, a gente vivia pagando conta atrasada com juros”, mas vamos deixar esse papo de adulto pra lá, vá curtir a sua vida querida.

Comprar apartamento, uma decisão acertada!

Definindo a vida

Estava decidido, os quinhentos reais de economia vão pagar a parcela do consórcio.

Os mil reais de sobra do orçamento vão para a aplicação, a partir deste mês.

Na manhã seguinte Regina conversou com o Braz, um vizinho que vivia perguntando se ela queria vender o golzinho, já que usava pouco, tinha direção e ar, estava bonito, com as revisões em dia.

Quero R$ 26.800,00. O Braz que era antenado berrou “nem que a vaca tussa”, a Fipe é vinte e cinco e poucos contos, qual é ?

Mas um mumuzinho como esse você não acha fácil, retrucou Regina.

Acha sim dona, hoje não tá fácil pras “loja” vendê…

 

Pago vinte e quatro pra “sinhora”, é uma muié sozinha e não quero “exprorá”, com o ranço machista e rude, mas, ao mesmo tempo, familiar.

 

Braz, faço vinte e cinco mil e você assume a transferência.

Quero comprar apartamento e esse é o único jeito.

Tá bom dona, vou ficar porque gosto do carro e quero “ajudá”.

 

Comprar apartamento, uma decisão acertada!

 

Regina ligou pro Ramiro, um primo que estava vendendo urgente um Celta Life 2006, procurava alguém com dinheiro à vista, porque o carro é ruim de financiamento pelo ano.

O usadão estava revisado, nunca bateu, bem cuidado, afinal, ela usaria pouco mesmo.

Pagou dez mil reais, uma em cima da outra.

Pelo ano, o preço era alto, o garagista queria dar só R$ 8.000,00, mesmo assim ajudou o primo, não vou me aproveitar de ninguém, pensou ela.

O carro era da família, tinha referências.

Pegou os quinze mil reais em dinheiro e aplicou.

Todos os meses aplicaria mais R$ 1.000,00 como aporte. Comprar casa é a meta.

 

 

Comprar apartamento, uma decisão acertada!

 

Aprendendo a investir

Entrou no site do Tesouro Direto, estudou atentamente todas as instruções, viu que os papéis do governo são os mais seguros do mercado, rende bem acima da poupança, escolheu o indexado a taxa SELIC, fez a simulação e descobriu que ao final de 24 meses, terá em conta-corrente R$ 46.330,00.

Ou seja, um belo lance no consórcio, para finalmente morar no próprio apartamento, pagá-lo num prazo curto e sem juros.

O plano é de no máximo em 30 meses, retirar a sua carta de crédito.

 

Comprar apartamento, uma decisão acertada!

 

Comprar apartamento, já não é um sonho!

Um entusiasmo a motivou fazer as coisas de uma forma diferente, pois ela queria resultados diferentes.

A batalha agora é abrir uma brecha no orçamento para pagar o consórcio do carro.

Regina viu que sem poupança e investimento não há crescimento, não há realização.

Comprar apartamento é a prioridade, mas fará da maneira certa, pensando em todo o prazo.

Nunca esquecerá que uma única decisão pode transformar a sua vida para melhor.

Ela quer mais! Contou.

Quem sabe um novo amor? Como diz a música, “um amor que seja bom pra mim…”

Aprendeu a ser feliz, hein, Regina?

 

Assim como a Regina, você pode comprar um HS consorcios hoje, clique na figura abaixo e me mande uma mensagem através do formulário ou ligue:


Comprar apartamento, uma decisão acertada!

Comente este post

Posts relacionados

Inscreva-se em nossa lista de contatos
error: Content is protected !!